O conteúdo do Bitcatcha é patrocinado pelos leitores. Quando você compra algo pelos links em nosso site, nós recebemos uma comissão. Saiba mais

Como Criar Um Blog: 5 Passos Fáceis Para Começar Um Blog Em 2021

Avatar
WRITTEN BY
UPDATED
September 24, 2021

 

Toda as pessoas descoladas que você conhece estão criando blogs, escrevendo e fazendo um bom dinheiro com isso. Por que não entrar nesse jogo e abocanhar um pedaço da doce receita deles, certo?

 

É o seguinte, se você está nesta página e lendo este artigo, provavelmente você não sabe como criar um blog.

 

Bem, você está com sorte, meu amigo. Nós fomos legais o bastante para dedicar um tempo de nossa agenda lotada para escrever um guia, assim você terá seu próprio blog funcionando rapidinho!

 

Acredite ou não, criar um blog não é difícil e nem demanda muito conhecimento técnico. Nós vamos guiar você por todas as partes que exigem esse conhecimento, para você se sentir mais seguro e protegido.

 

 

O que é um blog?

 

Que tal falarmos sobre o que um blog é exatamente?

 

Um blog é, na verdade, um outro site qualquer na internet que foca em conteúdo escrito, normalmente apresentado com uma escrita menos formal.

 

Quando esse formato começou a chamar a atenção, as pessoas usavam principalmente como um diário online, registrando seus pensamentos para o mundo ler.

 

Hoje a blogosfera evoluiu, distribuindo-se em várias subcategorias, como blogs fitness, fotoblogs, blogs de mães… qualquer assunto que você possa imaginar provavelmente terá um blogueiro escrevendo a respeito.

 

 

Por que as pessoas estão criando blogs

 

As pessoas têm várias motivações para criar um blog.

 

Alguns querem praticar suas habilidades de escrita. Outros, acham catártico quando se expressam online. E tem aqueles que estão perdidamente apaixonados pelos nichos que escolheram.

 

Não posso falar por todo mundo, mas um dos motivos que mais atrai pessoas para o lindo mundo dos blogs é a possibilidade de fazer dinheiro com isso.

 

Escrevendo a partir de suas percepções pessoais, os blogueiros compartilham uma ligação muito forte com seus leitores. Uma ligação tão forte que as grandes marcas estão dispostas a pagar para que os blogueiros indiquem seu produto (desde que, é claro, o blogueiro tenha um número razoável de seguidores).

 

Seja qual for a sua motivação para começar um blog, o ponto é que ter um blog é um passatempo incrível e, se fizer tudo certo, você pode viver disso.

 

Nota

Parece que muitas pessoas entendem, de forma errada, que você precisa ser um bom escritor para começar um blog. Apesar de as habilidades de escrita o ajudarem a apresentar seu blog de uma maneira mais profissional, é o conteúdo dele que vende. Você sempre poderá melhorar suas publicações no blog com o tempo. Se quiser melhorar sua escrita, veja este guia de escrita de conteúdo.

 

 

Como Criar Um Blog

 

Passo 1: Escolha Um Nicho

 

Esta primeira e excitante decisão moldará a cara do seu blog pelo resto da sua carreira de blogueiro, então é uma tarefa simples, mas muito importante: você tem que decidir qual é o seu nicho.

 

Você será um blogueiro de fotos? Prefere um blog sobre suas viagens? Talvez você goste de tecnologia. Talvez comida seja a sua praia.

 

Não importa qual é a sua paixão ou interesse, o nicho que você escolher o ajudará a definir os temas sobre os quais você escreverá no futuro. Não é uma regra sem exceções (alguns blogueiros transitam entre diferentes tópicos com sucesso), mas é um norte que o ajuda a manter seu blog com foco e relevância.

 

Então escolha um nicho. Escolha um nome. Mantenha o nome simples e curto.

 

 

Passo 2: Escolhendo Uma Plataforma Para Blogs

 

Existem várias plataformas para blogs gratuitas para você escolher, como: Wix, Blogger, Tumblr e WordPress, para citar algumas.

 

Nossa plataforma escolhida foi o WordPress, por ser uma das plataformas mais poderosas, utilizada em 33,9% dos sites na internet hoje.

 

33,9% do site usa WordPress

 

Também é compatível com SEO, fácil de usar e tem vários plugins, o que traz funcionalidades extra, sem a necessidade de muito conhecimento técnico.

 

Você também pode hospedar seu site e criar um domínio diretamente no WordPress.com, completamente grátis, mas, como minha querida vozinha falava, “coisas boas não saem baratas e coisas baratas não são boas”.

 

 

Passo 3: Criando Um Domínio E Escolhendo Um Provedor De Hospedagem

 

Elaborando melhor o que eu disse no tópico anterior, WordPress.com é um fenômeno absoluto, mas a hospedagem e o domínio gratuito deles vêm com várias limitações:

 

  1. Você não tem um “seunome.com”
    Embora não pareça algo importante, isso separa os amadores dos profissionais. Se for levar seu blog a sério e quiser vê-lo crescer, você vai querer ter seu próprio nome de domínio.
  2. Limitações da hospedagem na internet
    A versão gratuita do WordPress.com vem com muito pouco espaço de hospedagem (míseros 3GB). Uma vez que encher esse espaço, você tem que pagar por um upgrade e para continuar usando seu blog.
  3. Plugins não são permitidos
    A versão gratuita não permite plugins, o que é chato e parte meu frágil coraçãozinho.
  4. Anúncios por toda parte
    Como se não fosse ruim o suficiente não poder monetizar a versão gratuita, eles ainda enchem o lugar de anúncios! Lembre-se, “coisas boas não saem baratas e coisas baratas não são boas”. A colocação de anúncios é uma forma do WordPress.com ter receita.
  5. Seu blog pode ser deletado
    Como você se sentiria se estivesse batalhando e construindo seu blog por um longo ano, sem falar nos seguidores conquistados, e um dia quando acordasse visse que seu blog foi deletado porque você violou acidentalmente um dos inúmeros termos de uso do WordPress? Já aconteceu e vai acontecer de novo. Esse é um risco que eu não estou disposto a correr.

 

Esses foram apenas alguns pontos que a nossa equipe conseguiu lembrar. Lembre-se, você pode optar por comprar o seu domínio e escolher o seu provedor de hospedagem separadamente, não tem problema nenhum. Ao seguir essas duas instruções, você evita dores de cabeça com o seu blog. Está na hora de aprender como você pode fazer cada um desses dois pontos. Acompanhe o nosso passo a passo completo que a nossa equipe preparou para vocês.

 

 

Nome de domínio

 

São vários os registradores de domínio por aí, como GoDaddy e Namecheap por exemplo, mas nós gostamos do Namecheap porque eles são ótimos e eles incluem o WhoisGuard de graça. O que ajuda a manter a identidade em segredo, caso você queira usar o blog anonimamente.

 

O processo é bem simples, basta acessar aqui, registrar-se, escolher o domínio e pronto!

 

Lembre-se, você quer escolher um nome de domínio que seja simples e fácil de lembrar. Um nome que grude nas pessoas, de preferência. Sem inventar nas extensões escolhendo “.io” ou “.biz”, mas sim optando pelo “.com” porque é o que as pessoas estão mais acostumadas.

 

 

Hospedagem na internet

 

Você pode achar que a hospedagem na internet é só um lugar para guardar os arquivos do seu site e que qualquer provedor servirá, mas você não poderia estar mais enganado. Na verdade, se você quer que seu blog seja um sucesso, é bom garantir que está escolhendo um serviço de hospedagem na internet que seja confiável e rápido.

 

Já acessou algum blog que carregava tão devagar que você não teve paciência de esperar o conteúdo aparecer? Pode marcar, você vai ver que levam só 3 segundos para que você ache o blog lerdo, e 5 segundos é o tempo médio para as pessoas desistirem.

 

Seu serviço de hospedagem é crucial para fazer seu blog rápido e ágil. Dessa forma, você não perderá leitores devido a um tempo de carregamento desnecessariamente lento.

 

Apesar de existirem muitos serviços de hospedagem na web por aí (clique aqui para nossa lista dos melhores), nós recomendamos que você escolha uma marca reconhecida internacionalmente, como o Hostinger, para hospedar seu blog.

 

Lógico, pode haver opções mais baratas disponíveis, mas a estabilidade do servidor, o atendimento confiável ao cliente, a lista de benefícios e o tempo de resposta incrivelmente rápido do Hostinger são absolutamente brilhantes.

 

Como contratar um plano de hospedagem da Hostinger

 

Obter uma conta e configurar seu blog com a Hostinger é muito simples. Veja o que você precisa fazer:

 

  1. Acesse Hostinger.com.br e clique em seus planos de hospedagem.
  2.  

  3. Escolha um plano. Nós recomendamos que você escolha o plano Hospedagem Compartilhada Premium (R$ 10,99/mês) pois ele oferece uma boa relação custo-benefício. Você não precisa se preocupar muito com isso, pois poderá fazer facilmente um upgrade ou downgrade de seu plano mais tarde, se desejar.
  4.  

    hostinger shared hosting pricing in brazil

     

  5. Após selecionar um plano, você terá que finalizar o processo de compra > criar uma conta > preencher seus dados de pagamento > revisar seu pedido > clicar em “Pague Agora”. Então, a Hostinger enviará a você um recibo com todos os detalhes da sua assinatura de hospedagem web.
  6.  

  7. Você será direcionado automaticamente para a página de introdução da Hostinger. Para começar a configurar seu site, clique em “Começar Agora” e siga as instruções.
  8.  

    hostinger onboarding first step

     

  9. Você será convidado a dar um nome ao seu site. No caso, precisará escolher uma entre duas opções disponíveis:
  10.  

    hostinger asks to buy or select a domain name for your website

     

    • Se você já tem um domínio – Clique em “Selecionar” na opção “Usar um domínio existente”. Mais tarde, você terá que apontar seu domínio para a Hostinger – basta seguir estas instruções:
    •  

       

    • Se você ainda não tem um domínio – Você pode seguir em frente e comprar um domínio por meio da própria Hostinger ao clicar em “Selecionar“ na opção “Comprar Domínio”. Digite o nome do seu blog e a Hostinger levará um segundo para conferir a sua disponibilidade. Se ele estiver disponível, dê prosseguimento clicando em “Continuar”.

 

Voila! Agora você tem uma conta de hospedagem na web e um domínio configurados!

 

Ele hora, então, de se conectar ao WordPress. É neste momento que o seu blog começará a parecer um blog de verdade.

 

 

Instalando o WordPress na Hostinger

 

Esta seção é uma continuação da seção anterior, mas nós vamos dividi-la em diferentes partes para fácil digestão.

 

Nota

Se você travar em QUALQUER destes passos, não hesite em entrar em contato com o suporte da Hostinger via chat ao vivo. Eles são super solícitos e vão guiá-lo em tudo o que você precisar.

 

  1. Você pode escolher entre “criar um novo site” ou “migrar meu site”. Se você seguiu os passos deste guia até aqui, provavelmente deve escolher a primeira opção.
  2.  

    hostinger asks if you want to build or migrate a website

     

  3. Você será questionado se prefere construir seu site com o Zyro ou com o WordPress – se você estiver disposto a encarar o caminho mais longo, recomendamos que construa seu site com o WordPress.
  4.  

    create a wordpress account and build a site with hostinger

     

  5. Crie uma conta no WordPress com seu endereço de e-mail e uma senha. Você usará essas credenciais para fazer login em seu painel do WordPress mais tarde, então não esqueça delas!
  6.  

  7. Em seguida, a Hostinger pedirá que você escolha um tema para seu site do WordPress – você pode pular esta parte por enquanto. Falaremos sobre isso em detalhes mais tarde.
  8.  

    user can select wordpress theme from hostinger onboarding process

     

  9. Quase lá – agora a Hostinger permitirá que você revise as informações de configuração do seu site. Confira atentamente se o domínio e o e-mail do administrador do seu site estão corretos.
  10.  

    hostinger lets you review information before finish setup

     

  11. Reparou que você pode editar a “localização do site”? Você deve alterar a localização do data center do seu site para o ponto mais próximo de seu público-alvo. Isso proporcionará uma experiência otimizada para seu público-alvo quando seu site receber visitas.
  12.  

    hostinger lets you select data center on which your website is hosted on

     

  13. Depois de terminar a revisão, clique em “Finalizar Configuração”.

 

Agora que você tem seu blog no WordPress funcionando, deve se sentir orgulhoso. Está bem limpinho. Bem zen. Bem genérico também. Nas palavras de meus amigos mais jovens, seu site está “Sem graça pra caral…”, então vamos fazer algo para mudar isso?

 

 

Passo 4: Construindo O Seu Blog

 

Neste tópico, nós vamos focar no que podemos fazer para deixar seu blog com um pouco mais de personalidade.

 

Nós podemos fazer o design e a customização de forma manual, para atrair a atenção de seus leitores, mas isso leva um tempão e, falando sério, fazer isso nos dias de hoje…

 

Ninguém tem tempo pra isso

 

Felizmente, o WordPress tem milhares de temas gratuitos que são completamente customizáveis, além de parecer muito profissionais!

 

 

Acessando os temas do WordPress

 

  1. Entre na sua conta do WordPress. Deve ser “www.seusite.com/wp-admin”. Você deve mudar “seusite” para o nome real do seu blog. Insira seu nome de usuário e senha do WordPress, e então entre.
  2.  

    login do WordPress

     

  3. Uma vez logado, você deve ver o painel de controle do WordPress. Clique em “mudar seu tema por completo (change your theme completely)”.
  4.  

    painel WordPress

     

  5. Depois, clique em “Temas do WordPress.org”, e você encontrará milhares deles para escolher! Se eles não forem bons o suficiente para você, vá para ElegantTheme e compre algum tema bem bonito.
  6.  

    tema WordPress

 

Importante

Os temas são incríveis, mas podem ser uma armadilha. A velocidade de carregamento do site é crucial para ter seu blog bem classificado nos resultados de pesquisa no Google. Escolher temas não otimizados e que não respondem bem será um veneno para o seu tempo de carregamento. Lembre-se de conferir os comentários para ver qualquer comentário negativo e faça os testes do tempo de resposta no tópico anterior. Se o tema não responder bem no teste, muito provavelmente será lento no seu blog.

 

  1. Uma vez que escolheu seu tema, clique em “Visualizar (Live Preview)”, seguido de “Ativar e Publicar (Activate & Publish)” para instalar seu tema.
  2.  

    Visualização do seu tema

    (Visualização do seu tema)

     

    Ativar e Publicar

    (Ativar e Publicar)

 

Você instalou seu tema, mas ainda pretende personalizar e adicionar algum conteúdo, ou seu novo blog parecerá um pouco vazio.

 

 

Adicionando páginas

 

Seu bebê blog permanecerá pelado se você não incluir pelo menos uma página “sobre nós (about us)” para informar aos seus leitores o que esperar de você.

 

  1. Abaixo do seu painel de controle (Dashboard) do WordPress, você deve ir para “Páginas (Pages)” e clicar em “Adicionar Nova (Add New)”
  2.  

    adicionar página WordPress

     

  3. Você irá para uma página onde poderá incluir um título e um parágrafo. Escreva “Sobre nós” no título e descreva um pouco sobre seu blog no “Parágrafo”. Uma vez feito, clique em “Publicar”.
  4.  

    adicionar título da página

 

 

Criando links de páginas para o menu

 

Sua página “sobre nós” não aparecerá a menos que você crie um link para ela no menu.

 

Tudo o que você precisa fazer é ir para o seu painel de controle do WordPress e, na parte de baixo, clicar em “Menus”. Sua lista de páginas deve ser adicionada à estrutura do menu. Se não forem, marque as caixas sob o item “adicionar itens ao menu (add menu items)” e clique em “adicionar ao menu (add to menu)”.

 

Uma vez feito, clique em “criar menu (create menu)”, e seu blog estará atualizado com os links de suas páginas no menu.

 

menu de link

 

 

Postando no blog

 

Ah, o prato principal do seu pequeno site, a razão pela qual você está tão dedicado a isso. As postagens do seu blog manterão você relevante, classificarão seu blog nos resultados de pesquisas do Google e tornarão você influente em seu nicho. Se você fizer tudo direito, pode até passar a ter um ganha-pão.

 

Mas antes de sair publicando no blog de qualquer jeito, vamos configurar para que tudo fique organizado de forma fácil no futuro.

 

  1. No painel de controle do WordPress, clique em “publicações (posts)” e selecione “categorias (categories)”. Você deverá ver a tela abaixo. Preencha com o nome da categoria. Por exemplo, você pode chamá-la de “blog”. Clique em “adicionar nova categoria (add new category)” na parte de baixo.
  2.  

    adicionar categorias

     

  3. Depois, abaixo de “publicações (post)”, clique em “adicionar nova (add new)”. Você verá uma página onde poderá adicionar um título para a publicação e o seu conteúdo. Vá em frente e escreva o que quiser. Quando terminar, olhe para a barra “categorias (categories)” no lado direito da tela, e marque a caixa “blog”.
  4.  

    adicionar postagem

     

    Clique em “Publicar (Publish)”, e sua nova publicação estará pronta! Tudo que deve fazer agora é adicionar a categoria nos seus menus, e pronto.

 

 

Criando títulos e taglines

 

Se você quiser que as pessoas descubram seu blog e leiam seu conteúdo, você deve prestar muita atenção para esta parte do guia.

 

O título do seu site diz às pessoas sobre o que é o seu blog, e a tagline ajuda a reforçar a mensagem. Eles também ajudam os mecanismos de pesquisas a encontrar e posicionar seu blog em pesquisas relevantes.

 

Para customizar seus títulos e taglines, basta ir ao painel de controle do WordPress. Acesse “Configurações (Settings)” e, depois, “Geral (General)”.

 

configuração WordPress

 

Aqui, você pode mudar o título e a tagline para o que você quiser. Vá em frente e experimente, depois clique em “Salvar Alterações (Save Changes)”.

 

 

Desabilitando comentários

 

Algumas vezes, quando você compartilha seus pensamentos num blog, pode não querer ter uma seção de comentários aberta a ataques de trolls com comentários maldosos.

 

Você pode desabilitar os comentários por completo, assim você não deixa nenhuma brecha para eles.

 

No seu painel de controle do WordPress, acesse “configurações (settings)” e “discussão (discussion)”. Então, desmarque a caixa “permitir que pessoas postem comentários em novos artigos (allow people to post comments on new articles)”.

 

configuração de comentário

 

 

Criando uma página inicial estática

 

Sim, você quer comandar um blog, mas você não quer que sua página inicial pareça um blog!

 

Você precisará, para isso, de uma página inicial estática. Uma página “inicial” para que os visitantes possam entrar e aproveitar tudo o que quiserem. Como na maioria dos blogs profissionais, sua página inicial estática não muda, mostrando sempre a mesma coisa para seus visitantes. Isso acaba fazendo o blog parecer mais polido.

 

Se isso não for feito, o WordPress vai usar suas últimas publicações como sua página inicial. O que, vamos combinar, parece amador.

 

Você pode criar uma página inicial assim:

 

  1. Vá para seu painel de controle do WordPress, clique em “Configurações (Settings)” e, depois, em “Leitura (Reading)”.
  2.  

  3. Clique em “Uma Página Estática (A Static Page)” e, depois, selecione a página que você quer como sua página inicial. Então, clique em “Salvar Alterações (Save Changes)”.
  4.  

    configuração da página inicial

 

 

Adicionando ou removendo conteúdo de sua barra lateral

 

Algumas pessoas querem conteúdo na barra lateral. Outras, preferem um look mais limpo. De qualquer forma, cabe a você decidir.

 

Adicionar ou remover conteúdo da barra lateral é bem simples.

 

  1. Acesse o painel de controle do WordPress, depois “aparências (appearances)”, e clique em “widgets”.
  2.  

  3. Aqui, você verá uma lista de widgets disponíveis e a barra lateral do seu blog. Tudo o que você precisa fazer é arrastar e soltar os widgets que quiser em sua barra lateral, ou simplesmente apagar os widgets que você não quer lá.
  4.  

    configuração da barra lateral

 

 

Passo 5: Usando Plugins

 

No começo, quando nós queríamos otimizar nossos blogs, adicionar recursos ou criar funções, nós tínhamos que fazer manualmente (o que consome muito tempo e é chato pra caramba).

 

Hoje em dia, você pode fazer tudo isso e muito mais com alguns cliques apenas, graças aos plugins!

 

Você pode, basicamente, adicionar qualquer coisa que quiser em seu site. Transformá-lo em uma loja online ou em uma galeria para o seu portfólio. Para qualquer coisa que você pensar, existe um plugin!

 

O que você precisa fazer para instalar os plugins é, sob o painel de controle do WordPress, clicar em “Plugins” e, depois, em “adicionar novo (add new)”. A partir daí, olhe quais são os populares e a aba de recomendações, para ver os plugins que atendem às suas necessidades, e pronto!

 

adicionar plugin

 

Há uma lista sem fim de plugins para você escolher, mas lembre-se, alguns vão deixar seu blog mais lento. Pesquise um pouco sobre os plugins, e seu blog vai rodar como um sonho.

 

Aqui estão alguns dos nosso plugins favoritos:

 

  • Yoast SEO
    Ajuda seu blog a ficar mais compatível com SEO.
  • Swift Performance Lite
    Ajuda a reduzir o tempo de armazenamento em cache no WordPress, o que melhorará a velocidade de carregamento do seu blog!
  • Google Analytics by ExactMetrics
    Este widget ajuda a rastrear a quantidade de visitantes em seu blog. Super útil para ajudar nas suas referências!

 

 

Você É Um Blogger Agora!

 

Parabéns, caro leitor, você agora faz parte da blogosfera, você construiu seu blog com sucesso! Nós ajudamos, mas foi você que fez o trabalho pesado, você deveria realmente dar aquele tapinha em suas costas!

 

Antes de ir, aqui está uma rápida revisão sobre o que você precisa fazer para construir seu blog.

 

  1. Registrando um domínio e escolhendo um serviço de hospedagem
    • Selecionando a empresa certa para hospedar seu blog
    • Escolhendo um nome de domínio
  2. Criando seu blog
    • Instalando WordPress na sua plataforma
  3. Construindo o seu blog
    • Selecionando o nome certo
    • Instalando seu tema
  4. Adicionando conteúdo
    • Adicionando publicações, menus e editando suas páginas
    • Customizando e ajustando
    • Instalando plugins

 

Continue customizando!

 

Lembre-se que o WordPress é extremamente customizável. Você pode criar qualquer tipo de blog que quiser com ele, então continue experimentando e customizando até que você esteja 100% feliz com o que tem. Como sempre, deixe uma mensagem para qualquer dúvida que você tiver.